Artigos

iocb

(11) 5538-0011

 

A condromalácia é um termo frequentemente usado para designar alterações da cartilagem articular da patela (condropatia patelar – termo mais correto). A alteração pode ser provocada por uma série de fatores, tal como sobrecarga e prática inadequada de exercícios físicos. Apesar de atingir ambos os sexos, as mulheres são mais suscetíveis a esse tipo de lesão por diferenças estruturais intrínsecas. Embora a condição seja bem desconfortável, o tratamento para essa doença é relativamente simples e com ótimo prognóstico.

O que é?

A condromalácia patelar é uma doença que acomete a articulação patelo-femoral. O principal sintoma clínico é a dor na região anterior do joelho (na frente do joelho). Em casos avançados pode limitar afazeres rotineiros e esportes. O grau de comprometimento pode ser medido em exames de imagem, especialmente a ressonância magnética e classificado em quatro níveis distintos.

Causas

Comumente, a condromalácia patelar acomete mais pacientes do sexo feminino, que praticam regularmente atividades físicas. Dentre as mais comuns destacam-se corrida, ciclismo, futebol e tênis

Entre outras causas aparentes que podem causar a lesão destacam-se o enfraquecimento muscular do joelho e quadril, falta de alongamentos e exercícios realizados de forma inadequada, sem qualquer supervisão de um profissional. A obesidade também é um fator preponderante para o surgimento desse desgaste na articulação.

Grupo de risco

Como salientado, atletas do sexo feminino são as mais acometidas por essa doença. Isso se deve ao formato mais largo do quadril da mulher que acaba por desviar o eixo do joelho, trazendo assim uma série de implicações. A principal delas é que a região da patela é fatalmente sobrecarregada e pressionada.

Inclusive, isso se dá muitas vezes durante a puberdade feminina, quando há o desenvolvimento do quadril. Com a prática esportiva os sintomas podem se acentuar. Sobretudo aquelas que praticam corrida, salto, dança, além de esportes como tênis e futebol.

O aumento da carga durante treinos em academia, principalmente quando não há supervisão adequada de um profissional, também pode causar o aparecimento da lesão.

Sintomas

De forma geral, a condromalácia patelar se manifesta como dor ininterrupta na parte de frente do joelho. Ela pode ter várias intensidades, de acordo com o comprometimento da articulação.

Costuma piorar em movimentos como agachamento, subida e descida de escadas, saltos, ou longos períodos sentado.

Em alguns casos, o paciente pode sentir ardência e uma sensação incômoda de crepitação, como se houvesse areia dentro do joelho. Em casos mais graves, o paciente pode apresentar um ligeiro edema na região.

Tratamento

Após o diagnóstico confirmado o médico ortopedista poderá indicar o tratamento mais adequado, dentre eles: fisioterapia, medicamentos, infiltrações, mudanças de estilo de vida e atividade física.

Algumas práticas também devem ser abolidas durante esse período. Para pessoas com sobrepeso, são recomendadas dietas especiais para emagrecimento, a fim de diminuir a carga sobre o joelho.

Responsável Técnico

Dr. Paulo Facciolla Kertzman
CRM: 57.367
Ortopedia e Traumatologia

Endereço

R. Dr. Jesuíno Maciel, 1610
Campo Belo – São Paulo (SP)
CEP 04615-004

Tel: (11) 5538-0011

Horário de funcionamento

Segundas às Sextas-feiras: 8h00 às 19h00
Sábados: 8h00 às 13h00*

*Verifique disponibilidade